segunda-feira, 21 de outubro de 2019

DAMPYR O SUICÍDIO DE ALEISTER CROWLEY Edição A Seita “da BD”

DAMPYR
O SUICÍDIO DE ALEISTER CROWLEY 
Edição A Seita “da BD” 


Editora A Seita lança, com a presença do desenhador Michele Cropera, a terceira aventura portuguesa de Dampyr:

“O suicídio de Aleister Crowley” com a participação do poeta Fernando Pessoa

Por Mário João Marques

Depois de um mergulho nas trevas profundas de Dylan Dog, A Seita traz-nos um encontro em Lisboa, numa aventura onde intervêm figuras históricas como o poeta Fernando Pessoa ou o inquietante esoterista Aleister Crowley, protagonizada por uma personagem cuja origem remonta ao folclore eslavo.

Criada por Mauro Boselli e Maurizio Colombo, já todos perceberam que estamos a falar de Harlan Draka, mais conhecido no meio bedéfilo como Dampyr, aquele que nasce da união de um vampiro com uma humana, um verdadeiro caçador de todas as criaturas do mal que animam as guerras e os pesadelos que estão em cada um de nós.

Depois de Aventuras em Portugal, que a Levoir publicou numa colecção dedicada às personagens da Sergio Bonelli Editore, Dampyr está de regresso a terras lusitanas, desta vez para investigar o aparente suicídio de Aleister Crowley, ocorrido em 1930 na Boca do Inferno, perto de Cascais. Uma aventura fantástica saída da pena de Mauro Boselli e ilustrada por Michele Cropera, que recupera o encontro histórico entre duas figuras cujo saber esotérico estava em polos opostos, Pessoa profundo conhecedor de astrologia e das novas tradições neo-herméticas de finais do século XIX, e Crowley mágico e cultor de variados rituais e conhecedor das práticas e filosofias orientais.

O que uniu então estes dois homens? Este é o fio condutor de uma história que aproveita os acontecimentos para evocar a atmosfera de Lisboa da época, unindo habilmente a passagem de Crowley por Lisboa, o terramoto de 1755 e todo o universo lovecraftiano, sublinhando a capacidade de uma série como Dampyr poder desenvolver-se em várias épocas e estender-se a diferentes cenários, ambientes e influências.

Entretanto realce-se que Michele Cropera vai estar presente na AmadoraBD durante primeiro fim-de-semana (24 a 27 de Outubro) e o Festival vai ter uma exposição dedicada ao livro d’A Seita, com o titulo “Dampyr encontra Fernando Pessoa” com cenografia (espectacular) de Ana Sofia Gonçalves.

Mais um motivo para os fãs Bonellianos não deixarem de comparecer no Festival da Amadora que decorre de 24 de Outubro a 3 de Novembro, no Fórum Luís de Camões.



Sem comentários:

Publicar um comentário

 
Locations of visitors to this page