quinta-feira, 8 de novembro de 2012

XXIII AMADORABD’2012 – AS EXPOSIÇÕES (1)



XXIII AMADORABD’2012
AS EXPOSIÇÕES (1) 

EXPOSIÇÃO CENTRAL – A AUTOBIOGRAFIA
OS VÁRIOS ROSTOS DO EU
MEMÓRIA HISTÓRICA – DIÁRIO DE VIAGEM 

Comissário: Pedro Vieira Moura 

A autobiografia, enquanto possibilidade de criação ou género próprio na Banda Dese­nhada, apenas emerge na contemporanei­dade. Nos anos 60 e 70 autores como Justin Green, Robert Crumb, Aline Kominsky, Edmond Baudoin, Carlos Gimenez, Keiji Nakazawa e Harvey Pekar são fundamen­tais e influentes.

Já na década de 90 em França, EUA e Ja­pão podemos destacar nomes como Seth, Chester Brown, David B., Julie Doucet, Jean--Christophe Menu, Yoshiharu Tsuge, Fabrice Neaud, Debbie Drechsler, Howard Cruse, Marjane Satrapi, Craig Thompson, Alison Bechdel, entre outras possíveis referências num universo multo alargado. No caso português são de assinalar os no­mes de Fernando Relvas, Marcos Farrajota e Marco Mendes que exploram esse território de um modo explícito e criativo. Esta exposição pretende retratar o desen­volvimento deste género, dar conta da sua diversidade interna, revisitar alguns dos seus nomes principais e revelar alguns dos novos artistas. Sendo um dos principais campos da BD contemporânea, apresenta-se assim, a um só tempo, um balanço do que se passou e um relançar de questões para o futuro.






















____________________________________________________________

 
Locations of visitors to this page