terça-feira, 22 de julho de 2014

BDpress #421 – DEPOIS DE THOR – A MULHER, A MARVEL ANUNCIA UM CAPITÃO AMÉRICA NEGRO


DEPOIS DE THOR, A MULHER, 
A MARVEL ANUNCIA 
UM CAPITÃO AMÉRICA NEGRO

Retomando o assunto que publicámos no sábado – THOR PASSA A SER UMA MULHER – e depois da triste notícia do falecimento de Estrompa (não esqueçam que o funeral é amanhã, às 14h00 no Crematório do Cemitério do Alto de S. João) – deixamos então aqui a segunda notícia referente às mudanças na Marvel: O CAPITÃO AMÉRICA PASSA A SER NEGRO.

Público, 17/07/2014 
Cláudia Carvalho 

Steve Rogers, o Capitão América, está a perder as suas forças e vê-se obrigado a passar o testemunho.

Apostada em chegar a um público mais abrangente, a Marvel anunciou mais uma reviravolta nas suas histórias. Depois de ter revelado que Thor passará a ser uma mulher, é a vez de também o Capitão América mudar. O mais patriótico dos super-heróis da gigante dos comics vai passar a ser um afro-americano.

A mudança vai acontecer no Outono, na mesma altura em que nos chegará também a história da nova Thor. À semelhança do que fez com a novidade sobre esta personagem, a Marvel publicou no seu site que está na altura de ter um novo Capitão América. E isto porque Steve Rogers, que quando fardado é Capitão América, está a perder as suas forças. E “se Steve Rogers já não consegue mais lançar o seu poderoso escudo, então tem de o passar a alguém que o consiga carregar no campo de batalha, acima das nuvens, para alturas maiores que nunca”, lê-se na notícia.

O Capitão América passará então ser Sam Wilson, também conhecido como Falcão. Esta sempre foi uma personagem negra e por isso o que mudará na nova história é que será Falcão o Capitão América. Segundo a Marvel, a escolha é exactamente de Steve Rogers que ao perceber ter perdido a vitalidade de outros tempos decide entregar o seu alter-ego ao amigo e parceiro de luta.

Estas novas aventuras do Capitão América estão entregues à dupla Rick Remender e Stuart Immonen, que promete que esta será uma mudança “excitante” e cheia de novidades. Na notícia no site da Marvel, Rick Remender mostra-se entusiasmado com esta nova fase da história, explicando que não é só importante que esta faça sentido, seja natural e “tenha uma lógica inerente ao universo”, como também é essencial que esteja “em constante mudança”, “mantendo o drama em alta”.

“Tenho-me divertido imenso a escrever o Sam. É uma atitude completamente diferente. O facto de ele não ser soldado muda um pouco as coisas. O Sam não vai ser o Steve”, garante o responsável pela história.

No mesmo sentido, o editor da Marvel, Tom Brevoort, lembra que o Falcão não é do mesmo tempo de Capitão América, que esteve “congelado” durante duas décadas, desde os finais da Segunda Guerra Mundial. “O Sam não cresceu nos anos 1930, ele é um homem moderno em contacto com os problemas do século XXI”, destaca Brevoort, para quem o novo Capitão América terá uma maior empatia com os mais desprivilegiados do que o anterior e isto devido à sua vida profissional – Sam foi assistente social. Para o editor da Marvel, Sam Wilson procurará fazer o bem mas o interessante da história será descobrir onde é que o novo e o antigo Capitão América divergem.

Como Falcão, Sam Wilson fez parte da recente filmografia de super-heróis, em Capitão América: O Soldado do Inverno. Para alguns fãs, como escreve o The Telegraph, esta mudança na história já era previsível. Importante é destacar que Steve Rogers não sai da história. Ele apenas já não está apto para lutar, mudando-se para a Mansão dos Vingadores, sempre a par dos passos do seu sucessor.

O Capitão América foi criado na década de 1940 por Jack Kirby e Joe Simon e conta a história de Steve Rogers, que depois de ter sido considerado inapto pelo Exército norte-americano se voluntaria para um novo programa governamental que visa criar uma nova estirpe de super-soldados. O objectivo deste programa é defender o mundo da H.I.D.R.A, uma organização nazi que defende a supremacia da raça ariana e pretende dominar o mundo.

No cinema, o Capitão América teve já dois filmes: Capitão América: O Primeiro Vingador (2011) e Capitão América: O Soldado do Inverno, que se estreou este ano. A personagem faz parte ainda de Os Vingadores, filme de Joss Whedon que junta equipa de super-heróis da Marvel. O papel de Capitão América esteve sempre a cargo do actor Chris Evans.

Esta é assim a segunda grande novidade da semana, depois de a Marvel ter revelado que Thor passará a ser uma mulher a partir de Outubro. No entanto, parece que as surpresas não vão ficar por aqui, ou não terminasse a notícia da mudança no Capitão América com uma promessa do editor Tom Brevoort: "não estamos nem próximos do fim". "A mudança é uma das palavras de ordem do Universo Marvel, por isso há ainda mais sensacionais surpresas para vir."


___________________________________________________________

 
Locations of visitors to this page