sexta-feira, 21 de outubro de 2011

APRESENTAÇÃO DO BDjornal #28 + ALERTA PARA A REPORTAGEM SOBRE FERNANDO BENTO HOJE NA RTP2

AÍ ESTÁ O BDjornal #28

Ilustração da capa: Musashi, de Julio Shimamoto

No dia 26 de Setembro, enquanto realizávamos uma última pesquisa na internet, para o trabalho sobre Os Desenhadores de Tex, encontrámos a página online do diário italiano La Republicca dando a notícia da morte, nesse mesmo dia, de Sergio Bonelli, o editor de Tex. Foi uma notícia inesperada e, sobretudo amarga. Se bem que não conhecessemos pessoalmente Sergio Bonelli, é certo que ele sempre acarinhou o BDjornal, com referências elogiosas nos seus editoriais das revistas de Tex, tendo mesmo chegado a escrever-nos uma gentil carta de agradecimento, aquando da edição do BDjornal #24, sobre os 60 anos de Tex em 2008, enviada por intermédio de José Carlos Francisco. Pelo trabalho que realizou ao longo da vida, como argumentista e sobretudo como editor, Sergio Bonelli conquistou a estima e admiração de milhões de leitores de fumetti por esse mundo fora, deixando uma empresa, conhecida como a fábrica dos sonhos que, continuando a trabalhar respeitando as premissas que ele estabeleceu, perpetuará o seu nome ad eternum. Usando uma expressão em latim, que exprime o que cada um sente numa altura destas: Requiescat in pace!

Esta edição apresenta a entrevista que se impunha, com o Vereador da Cultura da Câmara da Amadora, dr. António Moreira, sobre questões prementes do Festival de BD da Amadora, na companhia do arqº Nelson Dona, director deste Festival, que permite uma visão previlegiada dos meandros do agora intitulado Amadora BD. O Vereador, não se eximindo a nenhuma resposta, foi incisivo e esclarecedor sobre questões até agora mantidas no “segredo dos deuses”, como os custos do Festival, mas não só.

Julio Shimamoto, um autor brasileiro descendente de uma nobre família samurai do Japão, e (também por isso) popularizado no Brasil como o samurai dos quadrinhos, chega-nos por intermédio de Wagner Macedo, que conseguiu o longo e interessantíssimo monólogo biográfico que publicamos. Shimamoto, hoje com 72 anos, percorreu um naco da história do Brasil e conta-nos todo esse percurso e como ele influenciou a sua trajectória no mundo da banda desenhada brasileira. Iniciando a carreira com uma espécie de tirocínio com o português emigrado Jayme Cortez, passou pela nacionalização dos quadrinhos e os movimentos de autores a ela associados, pela publicidade e ilustração, até a uma pacificação de espírito de que diz gozar hoje em dia, que o leva, sobretudo, a querer aprender. Dele publicamos as dez página iniciais de Musashi, história de um garoto japonês que se tornou samurai...

Destaque ainda para o texto de João Miguel Lameiras sobre Vitor Péon, considerado o mais produtivo autor português da sua época e que parece meio esquecido actualmente.

Leonardo De Sá pesquisou e reconstituiu a verdadeira biografia de António Cerveira Pinto, um artista meteórico do início do século XX, falecido aos 16 anos, mas com uma actividade artística precoce e muito activa, participando numa série de revistas que viriam a ser o berço do então emergente movimento modernista em Portugal. É o resultado dessa pesquisa que se publica nesta edição do BDj.

De refeir ainda a publicação integral de O Mensageiro no Deserto, banda desenhada de Diniz Conefrey de 1989. Por outro lado e infelizmente, Selma Pimentel não conseguiu terminar a sua história Samira 2 para esta edição.

4 – ENTREVISTA COM O VEREADOR DA CULTURA DA CÂMARA DA AMADORA SOBRE O AMADORA BD, J. Machado-Dias
10 – VITOR PÉON, João Miguel Lameiras
18 – INTRODUÇÃO A JULIO SHIMAMOTO, Wagner Macedo e J. Machado-Dias
19 – UM SAMURAI NA BANDA DESENHADA BRASILEIRA, Julio Shimamoto
28 – BD – MUSASHI, texto de desenhos de Julio Y. Shimamoto
38 – ÁLVARO CERVEIRA PINTO - A SUA BIOGRAFIA VERDADEIRA, Leonardo De Sá
41 – A SELVA, Diniz Conefrey
43 – BD – O MENSAGEIRO NO DESERTO, texto e desenhos de Diniz Conefrey
55 – BD – CENSURADO, texto de Wilson Vieira, desenhos de Aloísio de Castro
61 – BD – EXTORSÃO, Texto de Wilson Vieira, desenhos de Daniel Brandão
71 – APRESENTAÇÃO DE ANDRÉ TORAL, J. Machado-Dias
72 – BD – O CARRASCO DA MOOCA, Texto e desenhos de André Toral
76 – BD – O TRADUTOR, texto e desenhos de André Toral
78 – UNE NUIT DE PLEINE LUNE, Pedro Cleto
79 – VIEILLES CANAILLES – INTEGRALE, Pedro Cleto
80 – RAZÕES DO DESAPREÇO DA EXPRESSÃO 9ª ARTE, Pedro Vieira Moura
85 – VISUALIDADES – DOSSIER HQ, Edgar Indalécio Smaniotto
86 – ENTREVISTA COM FABIO CIVITELLI, José Carlos Francisco
91 – OS DESENHADORES DE TEX – INTRODUÇÃO, J. Machado-Dias

93 – OS DESENHADORES DE TEX – ENSAIOS BIOGRÁFICOS (1), J. Machado-Dias

101 – VIAJANTES DE PAPEL NA LUSOFONIA GRÁFICA (2) – ÁFRICA E ÁSIA, Osvaldo Macedo de Sousa
106 – VOYAGER – ENTREVISTA COM RUI RAMOS, J. Machado-Dias
108 – FESTIVAL DE COMICS DE BARCELONA 2011, Diogo Campos
109 – FESTIVAL INTERNACIONAL DE BANDA DESENHADA DE BEJA 2011, Diogo Campos
110 – ANIPOP MATSURI #2, Pedro Trabuco


COLABORAÇÕES
Aloísio de Castro, André Toral, Clara Botelho, Daniel Brandão, Diniz Conefrey, Diogo Campos, Edgar Indalécio Smaniotto, João Miguel Lameiras, José Carlos Francisco, Julio Y. Shimamoto, Leonardo De Sá, Pedro Cleto, Pedro Trabuco, Pedro Vieira Moura, Wagner Macedo, Wilson Vieira.

BANDAS DESENHADAS
Aloísio de Castro, André Toral, Daniel Brandão, Diniz Conefrey, Julio Y. Shimamoto e Wilson Vieira.















____________________________________________________________

FERNANDO BENTO
REPORTAGEM NA RTP2 - HOJE


Sexta-feira, 21 de Outubro, pelas 21:00 horas, na RTP 2 - Documentário sobre a vida e a obra de Fernando Bento, um dos grandes nomes da banda desenhada portuguesa!

O documentário foi filmado por Pedro Bento (filho do autor) e a sua equipa, em 2010, o ano em que se comemorou o Centenário do nascimento de Fernando Bento.

A exibição coincide com a inauguração do Amadora BD 2011 (parece propositado!), por isso o melhor é programarem a gravação nas vossas boxes.

____________________________________________________________


 
Locations of visitors to this page