quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

PROTOCOLO ENTRE O GRUPO BEDÉFILO SOBREDENSE E JUNTA DE FREGUESIA DA SOBREDA – NOVAS PERSPECTIVAS PARA O SALÃO DE BD DA SOBREDA

PROTOCOLO ENTRE O 
GRUPO BEDÉFILO SOBREDENSE 
E JUNTA DE FREGUESIA DA SOBREDA



 Solar dos Zagalos, Sobreda de Caparica, onde têm decorrido os vários Salões de BD. 
Em baixo, aspectos do Salão de 2001:



No seguimento da política seguida por este executivo de estabelecer protocolos de entendimento com entidades com sede social na freguesia, foi assinado no passado dia 06 de Dezembro protocolo de colaboração com o GBS - Grupo Bedéfilo Sobredense, instituição sem fins lucrativos e que tem levado o nome da Sobreda e do munícipio de Almada, um pouco por todo o mundo, graças ao trabalho desenvolvido na criação e exposição da nona arte, na qual a Sobreda/BD, salão internacional de Banda Desenhada, foi e esperemos que volte a ser, o grande encontro de todos quantos se revem nesta forma de arte, público e/ou artistas*.

Do protocolo assinado, para além do apoio logístico e material na melhoria das actuais instalações da sede social, a funcionar na antiga Escola Primária, consta um conjunto de actividades a desenvolver ao longo de 2012, nomeadamente: exposições/salões de banda desenhada; revista de colectivo de BD; mostra de trabalhos, ateliers ao vivo a desenvolver em diversos espaços da freguesia, que se pretende abertos à população em geral e em particular em articulação com a comunidade escolar, nomeadamente nos cursos de vocação artística.

O protocolo consiste de um apoio financeiro de 3.000 euros/ano por parte da junta de freguesia, sendo o seu pagamento faseado em três tranches, repartidas de igual valor ao longo do ano, em cumprimento do plano de actividades estabelecido e acordado entre as partes. O protocolo é estabelecido para o ano civil de 2012 ficando a renovação do presente condicionada à disponibilidade de ambas as entidades.

Última edição dos Cadernos Sobreda BD, de 2010, dedicado a Fernando Bento.

______________________________________________________________

(*) NOTA DO KUENTRO – E a mania que eles têm de persistir em chamar “artistas” aos autores de banda desenhada! Que diabo, “artistas” é um termo tão degradado que nem com a arte tem já alguma coisa a ver – são autores, caramba! Quem produz BD são os autores! Quando ouvimos ou lemos esta palavra, só nos vem à memória o “artista da TV e disco e da cassete pirata”....


______________________________________________________________

 
Locations of visitors to this page