sexta-feira, 5 de setembro de 2014

FOI REEDITADO O ÁLBUM “O JUÍZ DE SOAJO” DE JOSÉ RUY – ESTARÁ ESTE MÊS NAS LIVRARIAS


FOI REEDITADO O ÁLBUM 
“O JUÍZ DE SOAJO” DE JOSÉ RUY
ESTARÁ ESTE MÊS NAS LIVRARIAS

A propósito da comemoração dos 500 anos do Foral de Soajo, assinalados no passado dia 16 de Agosto, a Âncora Editora reedita a obra de banda desenhada O Juiz de Soajo, de José Ruy, em que o autor retrata a história, os costumes e as tradições da vila de Soajo, em Arcos de Valdevez. O livro foi reapresentado pelo autor em Soajo na Sala da Casa do Povo de Soajo.

Editada pela primeira vez em 1996, pela antiga Editorial Notícias, a obra regressa às livrarias durante este mês de Setembro, preservando o registo do rico património cultural, paisagístico e patrimonial desta aldeia singular, outrora sede de concelho.

Aqui ficam algumas imagens do álbum “sacadas” do blogue As Leituras do Pedro, com a devida vénia e, de seguida, as fotos que José Ruy me enviou.


Texto de José Ruy a acompanhar as fotos:

Na sala da casa do Povo de Soajo, em 16 de Agosto de 2014.
- as legendas são do autor - 

Quando estava a presentar a reportagem que a RTP fez sobre o livro, acompanhando todo o percurso desde os primeiros esboços até aos desenhos feitos no Soajo onde se deslocaram, passando pela impressão nas máquinas de Offset. As três pessoas em primeiro plano, são o Presidente da Mesa da Assembléia, Dr. Francisco Rodrigues de Araújo, o Presidente da Junta de freguesia do Soajo e o Dr. João Manuel Esteves, Presidente da Câmara de Arcos de Valdevez.

O Dr. Nuno Soares abrindo a sessão apresentando o livro.



Da direita: Dr. Nuno Soares, a seguir a mim o Dr. Francisco Rodrigues de Araújo, o Dr. João Manuel Esteves Presidente da Mesa da Assembleia e o Presidente da Junta de freguesia.


A minha intervenção.


O presidente da Câmara apresentando o livro.


Aspecto de parte da sala; na primeira fila os autarcas.


A sessão de autógrafos que durou duas horas, a soajeiros na maioria radicados nos Estados Unidos, Canadá, França e Luxemburgo, e que fazem questão de virem ao Soajo anualmente pelas Festas de Agosto na zona.


Outro aspecto dos autógrafos, em que muitos levaram vários exemplares para familiares que ficaram nas terras de adopção.


Outro pormenor, com mais de um livro para assinar.

_____________________________________________________________

 
Locations of visitors to this page