domingo, 1 de agosto de 2010

CONVITE DA FECO PORTUGAL PARA “UMA AVENTURA NO ALENTEJO” + BDpress #153, ALGUMAS CONCLUSÕES SOBRE A COMIC COM DE SAN DIEGO 2010

A FECO Portugal, Associação de Cartoonistas convida-nos para uma sua exposição em Moura: “Uma Aventura no Alentejo”. De seguida temos dois textos sobre a Comic Com de Sandiego, que este ano atraiu 150.000 visitantes: um texto generalista do jornal “i” e um texto publicado no site Omelete, do Brasil, onde se fala da presença dos nossos conhecidos Gabriel Ba e Fábio Moon em San Diego e das declarações “inteligentes” desse “brilhante” argumentista e actor, que dá pelo nome de Silvester Stallone e pelas quais, depois, teve que pedir desculpas aos brasileiros…


CONVITE

A direcção da FecoPortugal - Associação de Cartoonistas convida todos os seus associados e amigos para a inauguração da exposição de BD "Uma Aventura no Alentejo", organizada pela FecoPortugal e pela Câmara Municipal de Moura e que comporta trabalhos (desenhados propositadamente) de 19 autores.

Data/Hora da inauguração: 14 de Agosto (Sábado), 18 horas.

Local: Conservatório Regional do Baixo Alentejo - Secção de Moura (Rua da República, 31)

Programa:
18:00 Inauguração da exposição, com trabalhos de BD criados por associados e convidados.

20:00 Jantar para autores e acompanhantes, num restaurante no centro histórico. (Devido a limitação de orçamento, os associados que não participam com trabalhos na exoposição terão de custear a sua própria refeição).

21:00 – 23:00 / 23:30 sessão de desenho ao vivo (caricaturas... autógrafos...) pelos autores da exposição, no pátio da livraria "Ao Sabor da Leitura".

As histórias de BD, em pranchas com o mínimo de uma e o máximo de quatro pranchas, são dos seguintes autores:
César Évora, Mário Teixeira, Pedro Ribeiro Ferreira, Derradé, Álvaro, Pedro Alves, Hermínio Felizardo, Belisário, João Vasco Leal, André Oliveira, Zé Oliveira, RoD!, Nuno Duarte, Eduardo Welsh, Andreia Rechena, Varella, Petra Marcos, Carlos Rico, Luís Afonso

José Oliveira
(FecoPortugal)
________________________________________________________ 

Jornal “i”, 25 Julho 2010

SUPER POP COMIC CON

por Tiago Pereira

San Diego foi capital da ficção e do fantástico, com revelações heróicas

O único sítio no mundo onde é possível vestir o fato de Darth Vader e passar despercebido é também uma das maiores montras do futuro próximo da indústria do entretenimento. A conferência Comic Con terminou ontem, em San Diego, depois de cinco a dias a revelar segredos e novidades do mundo das fantasias urbanas - ou seja, cinema, BD, televisão e jogos de vídeo em delírio. Arriscamos dizer que algumas das novidades só podem ser casos de sucesso.

OS FILMES

Pelas salas de projecção desta conferência passaram imagens de algumas das estreias mais esperadas deste ano - com o novo Harry Potter e o regresso do clássico "Tron" a dominar as atenções. Mas para a grande maioria dos mascarados (leia-se dependentes da cultura pop para garantir um quotidiano saudável) a epifania surgiu com a confirmação definitiva de "The Avengers" (Os Vingadores) no grande ecrã, com realização de Joss Whedon e um elenco a considerar: Robert Downey Jr. (Homem de Ferro), Clark Gregg (agente Phil Coulson), Scarlett Johansson (Viúva Negra), Chris Hemsworth (Thor), Chris Evans (Capitão América), Samuel L. Jackson (Nick Fury), Jeremy Renner (Gavião Arqueiro) e Mark Ruffalo (o novo Hulk). Que descanse quem achar que esta fornada de super-heróis não é suficiente: confirmadas estão também as adaptações de Lanterna Verde e Green Hornet (as estreias deverão acontecer no próximo ano).

BD E FAMÍLIA

Nas atas da edição de 2010 da Comic Con fica a certeza de que "Red Hood", novo capítulo na vida Batman, terá edição internacional em DVD (trata-se de uma longa-metragem de animação) ainda esta semana; que Stan Lee continua a ser um criativo crónico, ao revelar três novos heróis de sua autoria - Soldier Zero, Starborn e The Traveler (ele que é o responsável por boa parte do catálogo de invencíveis da Marvel); e que tanto o Capitão América como Thor terão direito a reinterpretação, mais negra e menos simpática, no cinema.

AS ESTRELAS

Angelina Jolie visitou San Diego para dizer que "Salt", filme em que interpreta uma intrépida agente da CIA, é das melhores coisas que já fez; Guillermo del Toro assegurou que nunca assinou nada tão assustador como "Don't Be Afraid of the Dark"; e Harrison Ford apresentou a adaptação de "Cowboys & Aliens", realizada por John Favreau - Ford é o protagonista.

___________________________________________________

Omelete.com.br 26/07/2010

TRIO DE ARTISTAS BRASILEIROS DE HQ FAZ SUCESSO NA SAN DIEGO COMIC-CON

Gabriel Bá, Fábio Moon e Rafael Albuquerque foram à megafeira.

A cidade de San Diego, na Califórnia, virou nesta semana a capital mundial dos super-heróis. Mais de 120 mil pessoas lotaram as ruas e os corredores do maior centro de convenções da cidade, onde realidade e imaginação se misturaram na edição 2010 da Comic-Con.

No maior evento de cultura pop do mundo, um dos lugares mais procurados por fãs dos quadrinhos foi onde estavam três brasileiros: Gabriel Bá e Fábio Moon (que venceram o prêmio Eisner Awards, considerado o 'Oscar' dos quadrinhos, na edição 2008 da feira) e Rafael Albuquerque. Os três são famosos nos Estados Unidos.

Albuquerque, por exemplo, ilustrou "American vampire", de Stephen King. Para eles, apesar da presença da tecnologia, os quadrinhos feitos à mão ainda terão muito tempo de vida. "É uma honra, né? Não para a gente ignorar este fato", diz Albuquerque.

POP E POLÊMICA

Na Comic-Con, quem quiser sai com tudo o que precisa pra virar o personagem que desejar. Ou, então, para criar novos heróis e novas histórias. E não faltam interessados. Mas a brincadeira pode sair cara. Uma bola de cristal custa US$ 150, quase R$ 300. E bonecas, quase perfeitas, custam até R$ 800.

Tudo isso começou lá na década de 60, em uma pequena feira de compra, venda e troca de gibis usados em Nova York, com bancas que hoje dividem espaço com dezenas de stands que representam a indústria dos quadrinhos, da animação, de programas de TV, cinema e até de videogames.

Hoje, um dos maiores negociantes de gibis dos Estados Unidos vendia uma preciosidade na feira: o original do Capitão Marvel, desenhado na década de 60. Preço? US$ 3,5 mil, quase R$ 7 mil. E tem quem compre. Segundo ele, "nos gibis está a alma de tudo o que se vê hoje no cinema, nas séries de TV e nos jogos eletrônicos".

A Comic-Con é como um túnel do tempo da ficção. Passado, presente e futuro ficam ao alcance dos olhos e das mãos, como a réplica exibida ao público de uma das motos digitais de "Tron: o legado", continuação de um clássico dos anos 80 que ajudou a revolucionar o cinema feito com computadores.

E lá dá pra fazer muito mais do que só tirar fotografia. Dá para fazer parte da cena de um filme que só vai ser lançado no ano que vem. Em uma das atrações, basta sentar na cadeira, obedecer o diretor e pronto. Você estará participando de uma perigosa perseguição no filme "Green Hornet", uma versão para o cinema do seriado "Besouro Verde", produzido nos década de 60.

Neste ano, a Comic-Con teve também palestras com gente do mundo dos negócios da ficção. Em uma delas, polêmica: Silvester Stallone estrela o filme "Os Mercenários", com cenas rodadas no Brasil, e diz que "teve mais liberdade para filmar cenas de violência". "Você pode explodir o país inteiro e eles vão dizer 'obrigado, e aqui está um macaco para você levar de volta para casa'", falou o astro de Hollywood durante uma palestra.

Só depois da repercussão negativa, Stallone pediu desculpas. É mundo da fantasia em choque com o mundo real.
________________________________________________________

Gabriel Ba e Fabio Moon (ou vice-versa, nunca sei qual deles é quem)

Stan Lee anuncia as três novas personagens da sua equipa: Starborn, The Traveler e Soldier Zero.





  


___________________________________________________________________
 
Locations of visitors to this page