sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

BDpress #401: AGENTE SECRETO X-9 ESTREOU-SE HÁ OITENTA ANOS – Pedro Cleto no J.N.


AGENTE SECRETO X-9 
ESTREOU-SE HÁ OITENTA ANOS

Jornal de Notícias, 22/1/14 

Personagem surgiu nos EUA 
Começou por ser escrito por Dashiell Hammett

F. Cleto e Pina 

Há 80 anos, os jornais norte-americanos apresentavam Secret Agent X-9, que representava mais passo dos comics norte-americanos em direção ao realismo.


O registo escolhido, de certa forma em resposta ao êxito de Dick Tracy, estreado poucos anos antes, oscilava entre o policial e a espionagem, mas o seu desenho, ao contrário daquele, era realista e aproximava esta banda desenhada do quotidiano dos leitores. Defensor da lei a todo o custo, X-9 trazia do passado o fantasma da mulher e do filho, assassinados por um malfeitor.

Escrito inicialmente pelo romancista policial Dashiell Hammett – inspirado em duas criações suas : Sam Spade e Continental Op –, era desenhado por Alex Raymond, que ainda não apresentava o traço barroco com que daria vida a Flash Gordon cinco anos mais tarde. Apenas um ano decorrido, a personagem seria retomada por Leslie Charteris (criador de O Santo, que o tornou agente do FBI) e Charles Flanders. Austin Briggs, Mel Graff (que lhe deu um nome, Paul Corrigan, um parceiro e uma noiva), Paul Norris e Bob Lubbers foram alguns dos autores que assumiram o seu destino e o foram adequando às mudanças que as diferentes épocas introduziram na sociedade.

Na década de 1970,a chegada de Archie Godwin e Al Williamsom modernizou graficamente a série, ao mesmo tempo que a levava a explorar de novo as suas origens e, paradoxalmente, também a enfrentar ameaças extraterrestres, antes de cederem os seus lugares a Georges Evans, que iniciou uma fase descendente, que culminaria na suspensão definitiva em 1996.

Estreado em Portugal em 1939, no "Pirilau", X-9 passou pelas páginas de inúmeras publicações, entre as quais o "Diabrete", o "Mundo de Aventuras" e o "Jornal do Cuto", mas foi o "Jornal de Notícias" que mais bem o divulgou, ao longo de quase meio século, publicando diariamente esta tira entre 1947 e 1966.


  

______________________________________________________________

 
Locations of visitors to this page